Portal do Governo Brasileiro
  • Início
  • Notícias
  • Curso para Jovens facilitadores antecede etapa nacional da V Conferência Infantojuvenil

Curso para Jovens facilitadores antecede etapa nacional da V Conferência Infantojuvenil

Para trabalhar com os estudantes que vão participar da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente, jovens do todo Brasil responderam a um chamado voluntário para serem facilitadores das atividades propostas. Dois jovens por estados compõem o grupo que fizeram um curso, dos dias 11 a 14 de junho, com consultores do Ministério da Educação. Assim seguem um dos princípios da Conferência que diz que uma geração aprende com a outra. Eles foram nomeados guardiãs e guardiões e vão acompanhar as atividades dos cerca de 500 participantes que foram escolhidos pelas etapas escolares, municipais e estaduais.

7586cb2f d1e5 4b2f ba68 b959e190bf38

Rodrigo Silva, jovem do Mato Grosso do Sul, tem 23 anos e é um Coletivo Jovem que participou do curso. “Foi um processo transformador que os deu autoconfiança, a relação com pessoas novas vira uma unidade de significado maior. Com uma mesma intencionalidade, fortalecemos a crença no fazer. “ Rodrigo ainda disse que não conseguiu dormir direito na noite que antecedeu a chegada dos estudantes. “Fui acordado pelo meu sonho que me falava que as sementes estavam perto da explosão. As sementes eram os estudantes que estavam chegando.”

O curso foi ministrado por consultores do Ministério da Educação que apresentaram aos facilitadores a metodologia inovadora que vai guiar a Conferência. A maturidade e o comprometimento dos jovens foi o grande destaque da momento formativo. As consultoras Naiara Campos e Karina Perpétuo assinalaram que os facilitadores já chegam com o propósito claro de cuidar do planeta. “Muitos já foram delegadinhos e querem devolver a experiência transformadora. Estamos brincando com coisa séria que é a água do planeta. Esperamos que floreça algo novo a partir de um novo olhar para o mundo.”, enfatizou Naiara Campos.Outro consultor da metodologia e atividades pedegógicas, Valentin Conde, destacou a consciência política dos Coletivos Jovens. “ Eles inspiraram inclusive a equipe de logística que estava acompanhando a formação. Eles estão preparados e tem arcabouço, a metodologia vem só para potencializar.”

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal